Deficiente

Uma mulher afro americana de 41 anos de idade se apresenta com dor abdominal, icterícia e urina escurecida por 3 dias. Ela refere diversos episódios de vômito desde o dia anterior.

No dia em que os sintomas surgiram, ela comeu um prato de favas no café da manhã.

Sua história clínica e cirúrgica não apresenta nada digno de nota. Ela foi submetida à colecistectomia aos 38 anos de idade. Sua história epidemiológica revela uma viagem ao Congo 5 meses atrás, onde ela permaneceu por 2 semanas.

Atualmente ela não faz uso de qualquer medicação. Ela bebe apenas socialmente, e não possui histórico de uso de drogas IV ou de promiscuidade sexual.

Selecionar Exames Relevantes
Hemograma completo

Realizados

Leucograma: 9,1×10^9/L (4-11×10^9)
Neutrófilos: 59% (50-70)
Linfócitos: 35% (20-40)
Hb: 5,8 g/dL (11,5-13,5)
Contagem de hemácias: 1,9×10^12/L (4,0-5,4×10^12)
VCM: 105 fL
Reticulócitos: 7% (0.2- 2)
Plaquetas: 190 × 10^9/L (150- 400 × 10^9)
Esfregaço de Sangue Periférico

Realizados

Encontram-se diversas células em forma de bolha e células mordidas, além de policromasia e hemácias nucleadas. Uma preparação especial com coloração supravital revela corpúsculos de Heinz.
Perfil hepático

Realizados

AST: 22 U/L (<35)
ALT: 16 U/L (<35)
FAL: 68 U/L (40-125)
GGT: 25 U/L (5-55)
Bilirrubina sérica total: 2,1 mg/dL (0,2-1,2)
Bilirrubina direta: 0,3 mg/dL (0,1-0,4)
Função Renal

Realizados

Creatinina sérica: 0,8 mg/dL (0,6-1,2)
Ritmo de filtração glomerular estimado (RFGe): 96 ml/min/1,73m² (>90)
Ureia sérica: 34 mg/dL (15-43)

Selecionar Manejo Relevante
Suplementação de Ferro
Suplementação de Ácido Fólico
Aspirina
Drogas Antimaláricas