Subjacente

Uma mulher de 30 anos apresenta sangramento vaginal indolor espontâneo na 32ª semana de sua terceira gravidez.

Ela observou sangramento vaginal cerca de um mês atrás, após ter tido relações sexuais.

Seu histórico clínico pregresso encontra-se dentro da normalidade, e suas duas gestações anteriores não desenvolveram complicações, sendo que ambos os partos ocorreram via vaginal a termo.

Selecionar Exames Relevantes
Ultrassonografia transvaginal

Realizados

A ultrassonografia mostra a porção anterior da placenta inserida no seguimento inferior do útero, com a sua extremidade inferior se sobrepondo parcialmente ao orifício cervical interno.
Cardiotocografia

Realizados

A cardiotocografia mostra uma frequência cardíaca fetal basal de 150 bpm com variabilidade normal e acelerações transitórias. Não há desacelerações; nem evidências de contrações uterinas.
Tipagem sanguínea e Prova cruzada

Realizados

Seu grupo sanguíneo é O negativo.
Foi realizada prova cruzada e foram reservados dois concentrados de hemácias.
Ressonância magnética de abdome

Realizados

Você percebe que isso não seria uma boa ideia por retardar o atendimento em uma paciente com hemorragia recente.

Selecionar Manejo Relevante
Transfusão de sangue
Cesariana de urgência
Imunoglobulina anti-D
Corticosteroides IM